Carrinho

aristbrand | Frete e BONÉ SIENNA gratuitos a partir de R$600 | 5% off no PIX

Como fazer uma mala para lugares quentes: 4 dicas certeiras para te ajudar

Como fazer uma mala para lugares quentes – parece simples, mas muitas vezes essa não é a missão mais simples de todas, não é mesmo? E, como conversamos anteriormente, se não fazemos escolhas assertivas para a mala de viagem, incluímos itens desnecessários e deixamos de levar aquilo que realmente importa. 

Inclusive, antes de continuar lendo, vale a pena conferir as dicas sobre como fazer uma mala minimalista clicando aqui.

Agora, vamos voltar ao tema de hoje! Destinos mais quentes combinam com peças mais leves, frescas e fluidas – e, para isso, pensar com cuidado sobre a escolha de tecidos priorizados fará toda diferença para o seu conforto durante toda a viagem.

Vamos às dicas mais certeiras para te ajudar nessa missão? 

#1 Tecidos naturais serão seus melhores amigos

Roupas feitas com tecidos naturais, como o linho, são mais frescas e soltinhas, perfeitas para dias mais quentes. Extremamente versátil, o linho é um tecido sofisticado que dá a qualquer peça mais descontraída um toque de elegância – e é exatamente por isso que diversas peças da Arist são feitas com linho. Amamos como dá para criar uma combinação sofisticada sem muito esforço!

A viscose, por sua vez, é um tecido composto de fibras semi sintéticas, originárias de fontes de celulosa naturais – por isso, também é leve, fresquinha e tem um ótimo caimento.

Nossa calça MEGAN (abaixo), por exemplo, possui 100% de viscose em sua composição. Nossas clientes não conseguem acreditar no quanto a peça é macia, fluida e confortável, até provarem. Não à toa, a viscose é considerada um dos principais tecidos do verão.

Acima, algumas combinações que achamos perfeitas para o verão: regata KATE off white e short KALA caramelo e, também, as duas versões do vestido MIK – preto e tijolo.

#2 Saiba como fugir do óbvio!

E, para compor looks mais variados e diferentes, você não precisa optar apenas pelo combo short e/ou saia. Se priorizar os tecidos certos, é possível criar composições fresquinhas com camisas ou calças também, por exemplo

Exemplos de peças fresquinhas e extremamente sofisticadas: camisa LENI (em cru e marinho) e calça CHELSEA – em cru, caramelo e marinho.

#3 Camisetas e regatas: aposte nas variações!

Da mesma forma, é possível escolher versões mais estilosas até para os itens mais básicos de uma mala de verão, como as camisetas e regatas. Além de prestar atenção à qualidade do tecido e ao caimento, garanta optar por peças versáteis e elegantes, assim você não precisará de muito para saber que estará pronta para qualquer ocasião.

Para te inspirar, também separamos alguns exemplos de combinações que adoramos:

Duas versões da combinação regata KATE e short KALA e, também, dois looks compostos pela nossa camiseta EMILY e saia CASS. 

#4 Como cuidar das peças na mala?

Reforçamos a dica: tecidos naturais também são mais afetados pelo meio – o que faz com que amassem mais facilmente, por exemplo, por isso, indicamos cuidado extra na hora de colocar na mala: enrolar em vez de dobrar é sempre uma boa dica. Além disso, esse truque fará com que seu espaço fique mais organizado e otimizado!

Esperamos que tenha gostado das dicas e que elas te ajudem na hora de fazer a mala! Se quiser ver mais inspirações, é só nos acompanhar pelo Instagram – sempre compartilhamos muito conteúdo por lá. Um beijo e até o próximo post!

| LEIA TAMBÉM |

Peças da Arist